domingo, 1 de dezembro de 2013

Brinquedo zumbi



Nem mesmo as crianças escapam ao fascínio satânico pelo ocultismo. Aliás, é nessa faixa etária que, pessoas com intenções nada santas, promovem na mídia e no comércio, como uma verdadeira obra de engenharia, atrativos muito escabrosos.

Ao folhear uma revista de uma loja de departamentos, tomei conhecimento da série de bonecas "Monster High", e tive algumas impressões a respeito.

É interessante notar que, à princípio, as bonecas em geral tinham um papel saudável na criação das meninas. Todavia, as coisas foram mudando com o passar das décadas. A religião do ocultismo, sobretudo propagada nos EUA, o país do Halloween (que só perde para o Natal em importância por lá) é uma realidade em ascendência nos filmes, nos desenhos animados, nos games e nos brinquedos. A coisa começou de forma ingênua com fadinhas e bruxinhas. De uns tempos pra cá, fala-se em zumbis! Mortos-vivos!

Reparou a cor da pele da boneca dessa foto acima?

Abra a Bíblia em Apocalipse 6:7,8.

E, havendo aberto o quarto selo, ouvi a voz do quarto animal, que dizia: Vem e vê!  E olhei, e eis um cavalo amarelo; e o que estava assentado sobre ele tinha por nome Morte; e o inferno o seguia; e foi-lhes dado poder para matar a quarta parte da terra com espada, e com fome, e com peste, e com as feras da terra.

No grego, a palavra usada para amarelo é chloros. E esta palavra pode ser traduzida melhor como amarelo esverdeado, ou seja, a coloração de um cadáver, a cor da morte!

Pode imaginar agora a sua filha, ou sobrinha, ou neta... brincando com uma boneca assim, cadáver? É, talvez, isso não venha fazer diferença. Mas para um mundo que já foi cativado por Harry Potter, feiticeiras, bruxas e fadas, não custa nada ser cativado também pelos zumbis.

E o que dizer dos caixões, onde são guardadas as bonecas e seus pertences?


 

Satanás ainda brinca com as pessoas e com a verdade. Tais como zumbis serão aqueles que ressurgirem na segunda ressurreição, de acordo com a Bíblia. Sairão de seus túmulos com seus corpos corrompidos e estarão destinados à morte eterna (Apocalipse 20), junto com ele mesmo.

Não podemos nos acostumar com isso e cumprir os ditames dos fabricantes mal intencionados. Temos que dar uma resposta à altura, buscando presentear nossas crianças com o que é mais saudável para a mente delas, porque elas não tem o poder de decidir.

Uma vida incorrupta é a promessa do nosso Salvador. Na primeira ressurreição, os justos serão trazidos à vida e, restaurados com o vigor da juventude, viverão eternamente com Ele.

Breve virá!